Cases Wylinka

Sebrae For Startups e Wylinka realizam programa com objetivo de acelerar e impulsionar inovação científica 

30/agosto/2023

Após identificar mudanças comportamentais nas relações interpessoais e compreender a importância de ambientes direcionados à criação de projetos e ao desenvolvimento de atividades inovadoras e tecnológicas, o Sebrae for Startups e a Wylinka se uniram para criar um programa. O Atômica, como é chamado, tem como objetivo auxiliar no fortalecimento e crescimento de negócios de base científica e tecnológica, além de apoiar o amadurecimento do ecossistema de inovação científica e das deep techs no estado de São Paulo.

O programa está em sua segunda edição e apoia empreendedores na identificação e priorização de atividades que aceleram e impulsionam a startup em seus mercados de atuação. Pautados pela experiência da Wylinka, adquirida a partir de uma década fortalecendo e acelerando negócios de base científica por todo o Brasil, os consultores da Wylinka mergulham nos negócios a fim de colher informações estratégicas sobre a empresa e o segmento. A partir desse mergulho eles desenvolvem um plano de ações para direcionar a jornada, acompanhando a evolução por meio de mentorias para que o cientista empreendedor potencialize seu negócio. 

A primeira edição obteve resultados positivos: 118 deep techs apoiadas. Delas 84,14% estavam em estado de validação, operação ou ideação; 33% tinham sede na capital de São Paulo e 25% eram voltadas para o setor de saúde e bem-estar. Saiba mais aqui!

“Ao longo do primeiro Atômica, percebemos o desenvolvimento e o aumento da maturidade das startups. O diagnóstico enquanto ferramenta norteadora para as demais etapas do programa ajudou a proporcionar ações assertivas e personalizadas para cada participante”, explica Débora Prado, Analista de Projetos da Wylinka

Em 2023, estão sendo apoiadas 136 startups. Dessa forma, são 254 deep techs participantes do projeto ao longo de dois anos de atuação.

Evento de Encerramento do Programa Atômica – Acompanhamento fotográfico do evento de encerramento com as startups participantes da primeira edição do programa de aceleração de Deep Techs atômica_18/08/2023_ Fotógrafo Argel do Valle

Evento Atômica 

Buscando complementar esse aprendizado e proporcionar chances de intercâmbio de experiências entre os participantes das duas edições, assim como networking, em agosto foi realizado um evento presencial do Atômica. O evento contou com a participação de Ricardo Martins, Gerente de Growth do Sebrae for Startups, que compartilhou suas experiências com estratégias de vendas complexas.

Em sua fala, Ricardo mostrou o melhor caminho para se trilhar ao procurar possíveis compradores ou investidores para seu negócio nas diversas ferramentas online como o LinkedIn, relatório anual das instituições, entre outras redes. Ele ainda enfatizou o quanto essa etapa é importante para que negócios atinjam a sustentabilidade financeira.

Evento de Encerramento do Programa Atômica – Acompanhamento fotográfico do evento de encerramento com as startups participantes da primeira edição do programa de aceleração de Deep Techs atômica_18/08/2023_ Fotógrafo Argel do Valle

Por meio de uma palestra, Silvia Takey, Business Developer na Caos Focado, Venture Builder que co-funda negócios de base científica, explicou como estão acontecendo os investimentos para as deep techs e contou um pouco sobre como está o aquecimento do mercado. Ela também falou sobre quais seriam as melhores estratégias para as startups que buscam investimentos na área científica, auxiliando no entendimento e abrindo novas portas para as startups participantes.  

Evento de Encerramento do Programa Atômica – Acompanhamento fotográfico do evento de encerramento com as startups participantes da primeira edição do programa de aceleração de Deep Techs atômica_18/08/2023_ Fotógrafo Argel do Valle

O dia foi finalizado com mentorias individuais guiados pela ABStartups e uma dinâmica em grupo. Para Dana Katia Meschede, fundadora do Dana Agro, que desenvolve ecoprodutos para um agro sustentável, o Atômica tem uma visão voltada para startups com base científica, entendendo as suas demandas e necessidades.

“O cientista normalmente sempre está muito focado em pesquisas e o programa abre nossos horizontes para o mundo dos negócios e do empreendedorismo, nos coloca frente a frente com empresas e contatos que têm ligação e interesse com nosso produto”, comenta Dana Meschede. 

Dana participou da primeira edição do programa e hoje seu negócio está em um estágio um pouco mais avançado, mas mesmo assim optou por participar do evento. “Quero extrair o máximo que eu puder para melhorar minha empresa”, explica a pesquisadora empreendedora. 

Denise Fernandes Barbosa, fundadora da startup Diagnóstico Funcional Bucal, que tem como objetivo tratar de pacientes com ronco, apneia e bruxismo do sono, diz que as expectativas sobre o Atômica são altíssimas, uma vez que já participou de outros programas da Wylinka. “Quando eu vi pelas redes sociais a chamada para a inscrição do Atômica, fui olhar quais eram as perspectivas e já mandei para outros amigos cientistas empreendedores incentivando-os a também se inscrever”, lembra. 

Para a empreendedora, quando tem Wylinka e Sebrae juntos ela já sabe que vem coisa boa. “O Atômica está ajudando a alinhavar algumas estratégias que ainda precisavam ser ajustadas, me dando uma visão mais limpa e ampla, principalmente dos meus próximos passos”, informa. 

Uma ajuda extra 

Para Patrícia Ponce, fundadora do DaNatureza, empresa que cria embalagens 100% biodegradáveis e sustentáveis feitas de resíduos industriais urbanos, o programa já abriu portas e a auxiliou a se transformar em uma cientista empreendedora. “Esse programa foi fundamental para mim, no primeiro Atômica eu ainda não estava vendendo, ou seja, meu produto ainda não estava no mercado e as mentorias me auxiliaram a achar o melhor caminho para dar o primeiro passo. Quando coloquei meu produto no mercado, pensei que era preciso participar novamente do evento, porque com o produto rodando as mentorias podem me ajudar a entender se só existe um segmento para atuar ou se posso expandir meus negócios para outros setores”, diz. 

Evento de Encerramento do Programa Atômica – Acompanhamento fotográfico do evento de encerramento com as startups participantes da primeira edição do programa de aceleração de Deep Techs atômica_18/08/2023_ Fotógrafo Argel do Valle

Bruno Libardoni, CEO e fundador do Infinito Mare, startup que tem como objetivo revolucionar o cuidado com as águas, explicou que o evento da Atômica agregou muito valor e compreensão do macro do mercado. “Esse programa está sendo muito interessante, os mentores fazem todo o levante da empresa e nos apresenta um panorama, trazendo uma visão completa do negócio, assim conseguimos alinhar alguns pontos estratégicos e linhas futuras. Sem dúvidas, o Atômica consegue ajudar as startups por conta desses diagnósticos, apontando os erros e acertos e nos auxiliando nas soluções e novos caminhos”, finaliza. 

Venha fazer parte do impacto

As deep techs são a nova onda da inovação, e é essencial que os pesquisadores empreendedores tenham o apoio especializado para desenvolvê-las. A Wylinka está preparada para conduzir, entre outras ações, o processo de Diagnóstico e Estudo de Mercado para startups de base científica e busca parceiros para levar esses resultados a mais deep techs no Brasil. Se os resultados de iniciativas como o Atômica dialogam com sua missão e objetivos, vamos conversar

Quer saber mais sobre as deep techs que passaram pela primeira edição do Atômica? Clique aqui! 

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Skip to content