StartupTech leva empreendedorismo ao público acadêmico em 3 estados brasileiros

O StartupTech visa despertar boas ideias com foco na transformação do conhecimento acadêmico em novos empreendimentos de base tecnológica. Voltado para estudantes de graduação e pós-graduação, o programa realizado pela Wylinka é um bootcamp de inovação com uma metodologia própria, que tem como base o Lean Science Solution, ferramenta desenvolvida pela Wylinka para a modelagem de soluções de base tecnológica. Entre 2020 e 2021 o programa contou com dois apoiadores distintos: a Fundação Cargill (2020 e 2021) e a Dow (2021). Juntas, as parcerias levaram a metodologia para 6 estados brasileiros e capacitaram 132 pesquisadores. Em 2022 o projeto segue com uma nova edição de capacitação, com o patrocínio da Fundação Cargill, agora focando a região de MATOPIBA.   

StartupTech gera 38 soluções de base tecnológica entre 2020 e 2021

O StartupTech teve sua primeira edição realizada em 2015, mas foi a partir de 2020 que entrou de forma recorrente no calendário de projetos da Wylinka, durante o Circuito Startuptech Desafios da Alimentação, patrocinado pela Fundação Cargill, contemplando   Uberlândia e Viçosa(MG) Curitiba(PR) e diversas cidades de Goiás. 

Em 2021 a Wylinka realizou três edições do StartupTech, sendo a primeira o StartupTech – Sustentabilidade, realizada em parceria com a DOW. Já as outras duas edições fizeram parte do Circuito StartupTech: Desafios da Amazônia e tiveram o apoio da Fundação Cargill. Além de patrocinadoras, essas organizações atuaram na difusão do programa e replicação da metodologia de forma a perenizar as ações no ecossistema.

StartupTech leva empreendedorismo ao público acadêmico em 3 estados brasileiros

Em todas essas edições, 121 pesquisadores, professores e estudantes foram capacitados e 38 soluções de base tecnológica para os desafios da sustentabilidade e da alimentação foram criadas. Além disso, 94 organizações e 121 mentores foram mobilizados.

StartupTech leva empreendedorismo ao público acadêmico em 3 estados brasileiros

Wylinka apoia a transformação do conhecimento acadêmico em novos empreendimentos

A baixa sensibilização de cientistas e pesquisadores para as oportunidades no universo de empreendedorismo e startups é uma das barreiras que dificultam a transformação do conhecimento científico em inovação para a sociedade e para o mercado. Eventos imersivos como o StartupTech oferecem uma porta de entrada para estudantes e pesquisadores na jornada empreendedora, capacitando sobre conceitos básicos de modelagem de negócio e despertando neles o potencial para inovar e tirar projetos do papel. Assim, o programa desenvolvido pela Wylinka – voltado para estudantes de graduação e pós-graduação – visa despertar boas ideias com foco na transformação do conhecimento acadêmico em novos empreendimentos de base tecnológica. 

Como desenvolvemos esse impacto?

O StartupTech aplica um framework exclusivo de modelagem de negócios.

StartupTech leva empreendedorismo ao público acadêmico em 3 estados brasileiros

Dividido em 11 blocos relacionados entre si e agrupados de forma estratégica, a metodologia é aplicada durante um fim de semana que tem início na sexta-feira, com a abertura do bootcamp, e vai até o fim do domingo, quando os times apresentam as soluções desenvolvidas para uma banca de especialistas em negócios. Ao todo são 20 horas de dedicação divididas entre os três dias: sexta (4h); sábado (8h) e domingo (8h). 

Além de aprenderem a metodologia de desenho de soluções inovadoras, no StartupTech os estudantes também têm acesso a mentores com vivência de mercado, que acompanham todo o processo de desenvolvimento da ideia. Assim, o evento é uma experiência transformadora de trabalho em equipe e de criação de rede de contatos que permite ao participante desenvolver habilidades preciosas e exigidas pelo mercado.

 

Como desenvolvemos esse impacto?

“Teoria objetiva, muita mão na massa, mentorias com pessoas extremamente qualificadas, enfim, crescimento exponencial em um só fim de semana! Muito bom mesmo!!"

“Muito bom aprender como dar esse pontapé inicial num modelo de negócio de startup.”
Ricardo Souza

Participante da edição “StartupTech – Sustentabilidade

“O Circuito StartupTech foi uma experiência marcante para o meu crescimento pessoal e profissional, proporcionando novas visões sobre o mundo do empreendedorismo e da inovação.”
Lucas Rodrigues

Participante da edição “StartupTech: Desafios da Amazônia” - Santarém

“Participar deste evento foi algo inexplicável. A quantidade de assuntos e a velocidade com que aplicamos os conhecimentos foi incrível. Amei participar e quem sabe na próxima edição estarei presente novamente.”
Joanna Silva

Participante da edição “StartupTech: Desafios da Amazônia” - Porto Velho

Quer saber mais sobre a metodologia e a jornada dos participantes? Baixe o ebook ‘StartupTech Desafios da Amazônia’!

    Converse com
    nosso time

    Clique aqui

    Conheça o nosso
    portfólio

    Faça o download